Maduro pede ao Papa que o ajude em diálogo com países que reconheceram Guaidó como presidente

O presidente venezuelano Nicolás Maduro disse que escreveu ao Papa Francisco pedindo a sua ajuda e mediação para resolver a situação na Venezuela.

O país vive em meio a manifestações contra o governo, duramente reprimidas pela polícia, dividido entre o comando de Maduro e o líder opositor Juan Guaidó, autoproclamado presidente do país

“Enviei uma carta ao papa Francisco”, declarou Maduro em entrevista nesta segunda-feira (4) ao canal italiano SkyTG24.”Disse a ele que estou a serviço da causa de Cristo (…) e nesse espírito peço sua ajuda, em um processo de facilitação e reforço do diálogo”.

Estados Unidos, Brasil e o Parlamento Europeu reconheceram Guaidó como presidente da Venezuela.

*Com informações da AFP

Veja também:

Vence prazo do Ultimato dado a Maduro e países europeus reconhecem Guaidó como presidente interino da Venezuela

One Reply to “Maduro pede ao Papa que o ajude em diálogo com países que reconheceram Guaidó como presidente”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *