Gabriela Hardt decreta prisão de empresário e fixa fiança de R$ 28 milhões

César Mata Pires Filho, um dos donos da OAS, teve sua prisão preventiva decretada pela Juíza Gabriela Hardt

O empresário foi detido no âmbito da ‘operação sem fundos’, 56ª fase da ‘Lava Jato’. Além de decretar a prisão, Gabriela Hardt ainda fixou a fiança no valor de 28 milhões.

De acordo com o Estadão, o empresário teve sua preventiva expedida na sexta-feira passada (23), mas estava fora do país e se entregou a polícia federal na noite de domingo (26). César é acusado de participar de suposto esquema de pagamentos a ex-dirigentes da petrobrás e do Fundo Petros, durante a construção da sede da estatal e enquanto era vice presidente da OAS.

Conforme o Ministério Público Federal, parte das vantagens indevidas eram destinadas ao Diretório Nacional do PT. Em depoimento a polícia federal o empresário nega atuação direta no contrato relativo à construção do empreendimento.

Provas recolhidas mais 6 delatores apresentados pelo Ministério Público apontam que César Mata Filho, não só tinha ciência de todo o volume do pagamento de propina, como também deu ordens para a distribuição de aparelhos e mídias eletrotônicas utilizadas pelo setor de propina da OAS após inicio da operação lava jato

A defesa do empresário disse que ” o juíza decretou a preventiva, no entanto, fixou cautelares substitutivas da prisão”. O advogado informou que a família de César vai pagar a fiança nos próximos dias.

*Com informações do Estadão

 

News Reporter

2 thoughts on “Gabriela Hardt decreta prisão de empresário e fixa fiança de R$ 28 milhões

  1. VALEU JUIZA, ….SEMPRE O PT ENVOLVIDO EM RAPINAGEM DE GRANA PUBLICA……MAS FICO ESPANTADO, DIZEREM QUE VÃO PAGAR A FIANÇA DE 28 MILHÕES……É MOLE ISSO???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *