Gabriela Hardt determina soltura de cunhada de ex-tesoureiro do PT

A juíza Gabriela Hardt, negou o pedido do Ministério Público Federal para prorrogar por tempo indeterminado a prisão de Marice Correa de Lima, cunhada do ex-tesoureiro do partido João Vaccari Neto.

Marice era acusada de participar de um esquema de desvio de verbas na construção do prédio conhecido como Torre Pituba, sede da Petrobras na Bahia.

O empreendimento foi feito com dinheiro da Petros, fundo de pensão dos funcionários da Petrobras, e construído pelas empreiteiras OAS e Odebrecht

Os procuradores afirmam que Marice arrecadou “significativas quantias de vantagens indevidas” para o PT relativas ao empreendimento Torre Pituba.

Gabriela Hardt estipula medidas cautelares como a proibição de deixar o país e de manter contato com os demais investigados (salvo familiares). Com a decisão, Marice será colocada em liberdade.

*Com informações da Folha

News Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *