Luleco na mira da Lava Jato

Depois da prisão de Paulo Preto, ex-diretor da Dersa, a Lava Jato de São Paulo se prepara para concluir casos envolvendo propina nas obras do Metrô e pagamentos a parentes de Lula, em particular seu filho Luleco. Diz a Folha de S. Paulo

Entre as apurações que devem ser concluídas nos próximos meses estão as que envolvem repasse de propina nas obras do Metrô de São Paulo e pagamentos a parentes do ex-presidente Lula da Silva (PT).

O filho, Luís Cláudio, e o próprio Lula já foram indiciados pela Polícia Federal sob suspeita dos crimes de lavagem de dinheiro e tráfico de influência por pagamentos para a empresa de marketing esportivo Touchdown.

De acordo com a PF, a agência, que pertence a Luís Cláudio, recebeu mais de R$ 10 milhões de grandes patrocinadores, embora tivesse capital social de R$ 1 mil.

A outra investigação que envolve Lula diz respeito ao pagamento de uma mesada da Odebrecht a José Ferreira da Silva, o Frei Chico, irmão do ex-presidente. Segundo um delator, o próprio Lula fez esse pedido.

O advogado de Lula e Luís Cláudio, Cristiano Zanin Martins, diz em nota que o indiciamento “trata-se de mero documento opinativo, com enorme fragilidade jurídica e distanciamento da realidade dos fatos”.

“Luís Cláudio, por seu turno, comprovou serem mentirosas as afirmações de delatores da Odebrecht”, afirma.

News Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *