Alcolumbre diz que CPI da ‘Lava Toga’ não está na pauta: ‘Não é bom para o Brasil’

Em entrevista, presidente do Senado se autointitula como ‘pacificador’ e afirma que proposta de uma investigação no Judiciário pode acirrar de vez os ânimos entre os Poderes

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), deixou claro neste sábado, 13, que não pretende instalar a Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar o Judiciário, a chamada CPI da ‘Lava Toga’ . Em entrevista ao Estadão, em Macapá, ele disse que não há previsão de colocar em pauta a proposta de uma investigação que pode acirrar de vez os ânimos entre os poderes. “A maioria dos senadores entende que não é bom para o Brasil uma briga institucional”, afirma.

Há duas semanas, ele rejeitou em plenário o pedido de instalar a CPI, mas recorreu de ofício encaminhando o caso para análise da Comissão de Constituição e Justiça. Alcolumbre minimiza a possibilidade de a proposta voltar a ser discutida no plenário. “Não temos previsão. Isso não está na pauta. Deixa ela ficar do jeito que ela está, na CCJ”, afirma.

Na entrevista, o senador se coloca como um intermediador da crise entre o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), e o Legislativo.

“Não vou ser mais um para criar uma discórdia no Brasil”, diz. Ele se classifica como um “pacificador”. “Quem me conhece desde vereador, conhece um Davi pacificador. Chance zero de eu brigar com alguém, a não ser que a pessoa queira brigar comigo. E (mesmo assim), se ela quiser brigar comigo do mesmo jeito, eu estando certo ou ela estando certo, eu vou pedir desculpar para gente não brigar”.

É com este argumento que “matou no peito” e enterrou a tentativa de criar uma CPI para investigar o Judiciário. Ele nega. “Não matei no peito. Eu segui a regra que consultores e advogados do Senado apresentaram para mim”, diz.

Sobre um possível impeachment de ministros do Supremo Alcolumbre descartou qualquer chance de isso acontecer agora.

‘Isso que não está na pauta e nem está passando na cabeça do presidente do Senado pautar isso. Estamos vivendo um momento delicado para o Brasil. Uma briga institucional não vai fazer bem para 200 milhões de brasileiros.’

News Reporter

1 thought on “Alcolumbre diz que CPI da ‘Lava Toga’ não está na pauta: ‘Não é bom para o Brasil’

  1. BOM PARA O BRASIL É VC ENTREGAR A PRESIDÊNCIA PORQUE VC NÃO TEM COMPETÊNCIA.SÓ PODE SER PRESIDENTE UMA PESSOA QUE TIVER CORAGEM DE ENFRENTAR OS CORRUPTOS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *