Gleisi interrompe discurso de Dilma que se defendia da armadilha Petista

Dilma Rousseff falava sem intervalos, mas dava e pistas de que terminaria em breve, quando foi interrompida por Gleisi Hoffmann durante reunião do Diretório Nacional do PT, em Brasília.

A presidente do PT avisava Dilmao que eram só 20 minutos de fala por pessoa, mas a ex presidente retrucou com o olhar fuzilante. “Vou continuar defendendo meu governo”, disse, segundo à Folha. A plateia riu constrangida e Dilma seguiu o discurso, sem fazer autocrítica

A petista extrapolou seu tempo de discurso para fazer uma defesa pessoal de seu mandato e evitar que o documento final divulgado pela sigla contenha críticas mais duras a seu governo.

De acordo com o documento inicial, o PT faz “auto crítica” jogando toda a responsabilidade do fracasso nas eleições, no péssimo governo de Dilma Rousseff.

“A guinada neoliberal dada em 2015, na política econômica, pesou mais que os nossos grandes acertos, contribuindo para a derrubada do governo Dilma Rousseff em 2016. E nas eleições de 2018, ao invés de culpar as forças neoliberais que desestabilizaram e depois derrubaram nosso governo, uma parte do povo —vítima da recessão e da mídia golpista— aceitou a narrativasegundo a qual a culpa recaía sobre o PT”

“Após quase dez horas de reunião em Brasília”, diz a Folha de S. Paulo, “a cúpula do PT não conseguiu acordo para elaborar um texto que sirva de base para os novos rumos do partido”

 

News Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *