“Não fui responsável pela definição das candidatas beneficiadas por recursos oriundos”, Diz Gustavo Bebianno

Gustavo Bebianno, divulgou nesta quinta-feira (14) uma nota de esclarecimento negando que tenha cometido irregularidades no repasso de recursos do Fundo Especial de Financiamento de Campanha, no ano passado, para candidatas do PSL.

“Reitero meu incondicional compromisso com meu país, com a ética, com o combate à corrupção e com a verdade acima de tudo”, disse o secretário na nota.

A denúncia de que os recursos do fundo seriam destinados a candidatas “laranjas” em Pernambuco está sendo apurada pela Polícia Federal a pedido do presidente Bolsonaro. Na época, Bebianno era o presidente do partido.

“Reafirmo que não fui responsável pela definição das candidatas de Pernambuco que foram beneficiadas por recursos oriundos do PSL Nacional”, afirmou Bebianno na nota

Em meio a crise instalada por conta de vazamentos de áudios a parte da imprensa e atritos com Carlos Bolsonaro, o presidente exonerou o ministro agora no começo da noite. A decisão será publicada no Diário Oficial da próxima segunda-feira (18)

Veja também:

Urgente – Gustavo Bebianno é exonerado por Bolsonaro

Mulher apontada como ‘laranja do PSL’ está fora do país

Reunião de Bebianno com a Globo, teria sido o estopim para crise no governo

 

News Reporter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *