Faustão surpreende e questiona: “Quem mandou matar Bolsonaro?”

Fausto Silva, surpreendeu a todos em seu programa exibido neste domingo (10).

Depois de uma polêmica envolvendo o presidente Jair Bolsonaro, no começo do ano, e o apresentador, Faustão questionou as investigações da facada que Bolsonaro recebeu em setembro do ano passado.

Faustão fez uma chamada anunciando a reportagem do Fantástico sobre o caso Marielle Franco e completou dizendo que o público também aguarda a o término das investigações do atentado que Bolsonaro sofreu em Juiz de Fora, no dia 6 de setembro, enquanto fazia campanha política.

O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, está preso, mas aliados e eleitores de Bolsonaro aguardam a definição.

 

News Reporter

3 thoughts on “Faustão surpreende e questiona: “Quem mandou matar Bolsonaro?”

  1. O grotesco e fanfarrão Fausto Silva dá a mão à palmatória. A retratação,
    ainda que tardia, nos alivia, sobremaneira, porquanto ela vem de um veículo
    de comunicação que sempre foi contrária a reação inquisitiva de 75 milhões
    de brasileiros, que sempre pediram a conclusão das investigações, onde o
    atual presidente Jair Bolsonaro foi a vítima. Adélio Bispo não é nenhum doente
    mental, como alguns querem, e também não agiu sozinho, como quer a mídia
    esquerdopata, tendo em vista quatro advogados para sua defesa. É preciso saber
    quem foi o mandante (ou mandantes), a causa da mesma, para que a justiça possa
    trabalhar cumprindo os trâmites legais.

  2. Claro que Adélio não é louco ele sabia perfeitamente o que estava fazendo, mas se for esse o caso, que o internem em um manicômio para sempre, mas é indispensável que se investigue e se descubram os mandantes e quem paga os advogados, o caso não pode ser encerrado simplesmente porque a justiça não deseja encontrar os mandantes !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *